Site Loader
Tudo que você precisa saber para resolver falta de lucro na oficina

No setor automotivo a cada dia surgem novos equipamentos e processos mais eficazes para que os reparos no veículo sejam mais assertivos e rápidos. Entretanto, mesmo com este mercado bastante aquecido, a falta de lucro é muito comum em oficinas mecânicas.

Nesse sentido, hoje queremos falar sobre os aspectos que mais contribuem para a falta de lucro. E também, apresentar dicas para você resolvê-la e assim conquistar ainda mais clientes para sua oficina! Continue a leitura!

A falta de lucro é um problema no seu dia a dia?

Verdade seja dita: com a rotina intensa e a demanda por serviços cada vez mais rápidos e de qualidade, se torna muito mais complexo atuar em todas as áreas da sua oficina com eficiência, concorda?

A falta de lucro pode surgir devido a alguns fatores, dentre os mais críticos que podemos mencionar são:

  • Não ter um capital de giro
  • Não realizar a capacitação da equipe
  • Não pesquisar e analisar com atenção os fornecedores
  • Não controlar o estoque
  • Não fazer a precificação dos seus produtos e serviços adequadamente
  • Misturar o seu dinheiro pessoal com o da oficina.

Alguns desses pontos podem não fazer sentido, mas todos eles influenciam na falta de lucro. Quer um exemplo?

O estoque é um ponto extremamente importante. Isso porque, dentre outras questões, se ele estiver com um volume muito grande de peças e acessórios é dinheiro parado.

Já se o estoque estiver vazio ou com falta de peças que costumam sair com frequência, é dinheiro que você perde assim que o cliente solicitar e você não ter em estoque para realizar a troca.

Outra questão que pode estar acontecendo com você, mas normalmente ocorre com empreendedores de qualquer segmento, é não conseguir separar as finanças pessoais das finanças da sua oficina.

Ao não ter claro quais são as entradas e saídas de cada área, se torna muito difícil você identificar se está tendo lucro ou prejuízo.

Entendido alguns pontos que podem estar sendo responsáveis pela falta de lucro na sua oficina mecânica, vamos ver agora algumas ações e mudanças que você pode fazer para aumentar a receita no seu negócio!

Limpeza e organização

limpeza e organização

Se sua oficina é pequena ou grande, não importa. Tê-la limpa e organizada influencia na visão que o cliente tem dela. Claro, em dias com muitas manutenções e com um grande número de veículos ocupando o espaço, se torna difícil manter tudo em ordem.

Entretanto, é fundamental que você incentive seus mecânicos e demais colaboradores para que eles mantenham suas bancadas um pouco organizadas após realizarem cada atendimento. Ou seja, organizem as ferramentas e equipamentos para agilizar o próximo conserto.

Não se trata apenas da percepção do cliente quanto ao visual da sua oficina, mas também no tempo que se ganha entre um serviço e outro. Se as ferramentas e os equipamentos estiverem fora do lugar, o mecânico perderá tempo para procurar e trazê-las para perto de si.

Ao arrumar um pouco o ambiente de trabalho, o serviço será realizado com mais assertividade e o cliente terá uma boa impressão da sua oficina. Se este espaço estiver bagunçado e com ferramentas espalhadas, o cliente irá tentar imaginar se a qualidade do serviço segue este mesmo cuidado.

Prazos

Vamos supor que você foi em uma concessionária e realizou a compra de um carro. Entretanto, a cor que você queria não estava disponível em estoque e precisaria ser solicitado à fábrica.

O vendedor da concessionária passou que em 45 dias o seu carro chegaria e que você poderia ir buscá-lo. Quando terminou o prazo que o vendedor mencionou, você foi até lá e ele avisou que demoraria pelo menos mais 3 semanas para ficar pronto, pois houve um imprevisto. Isso é muito desconfortável, concorda?

É provável que você já havia feito planos e que dependia de o carro chegar para realizá-los, certo?

Na oficina mecânica não é diferente. A partir do momento que você ou os demais mecânicos passarem um prazo – de horas ou dias – façam o máximo para cumpri-lo.

Não é fácil acertar de primeira o tempo exato para realizar cada serviço – isso vem com a experiência de vários consertos e o tempo de cada mecânico. Entretanto, é possível estar dentro do ideal se você estipular algumas horas ou dias a mais.

Se o serviço em um carro de um determinado cliente pode levar 4 horas, em média, passe para ele que irá levar 6 horas. Assim, você tem uma folga caso aconteçam imprevistos ou realmente demore mais do que o imaginado e o cliente não irá fazer cobranças antes do tempo.

Precificação

Os preços das peças e serviços da sua oficina precisam ser calculados com cautela para que não fique muito abaixo ou muito acima do que o mercado pratica.

Dentre alguns pontos que devem estar inclusos neste cálculo são os custos das peças, de manutenção dos equipamentos utilizados, dos salários e capacitações dos mecânicos e os custos fixos e variáveis, como água, luz, internet, etc.

O ideal é analisar a concorrência e o mercado como um todo, mas utilizá-los como base apenas após realizar todo o cálculo.

Ficou muito acima? É importante identificar onde é possível cortar custos. Ficou muito abaixo? Encontre serviços e peças que podem receber um aumento no preço, mas que ainda sim irão ter um preço atrativo para os clientes da sua oficina.

Atendimento ao cliente

atendimento ao cliente

O atendimento ao cliente é um dos fatores que influenciam muito na falta de lucro. Se o cliente for mal atendido, bem provável que ele irá procurar outra oficina.

Essa situação acontece, pois, ele não precisa mais se prender a apenas uma, existem tantas outras que podem fazer o serviço com a mesma qualidade ou até melhor.

Por isso, estar atento ao atendimento desde a recepção até no mecânico é essencial para que sua oficina conquiste o cliente, não só com o preço, mas também com a receptividade.

O preço ainda é um fator importante na escolha das pessoas, entretanto é preciso se diferenciar e proporcionar uma experiência agradável durante a permanência dele neste ambiente, a começar pelo atendimento.

Incentive para que todos os colaboradores sejam educados e prestativos. Isso com certeza irá refletir na sua taxa de fidelização de clientes.

Pós-venda

Falamos do atendimento ao cliente que deve ser realizado com atenção. O pós-venda é uma continuidade disso com o intuito de realmente demostrar preocupação se o serviço realizado atendeu as expectativas do cliente ou se deixou algo a desejar.

Ligar depois de dois ou três dias para ele e perguntar se o carro está funcionando corretamente, se está tudo certo, com certeza será um diferencial da sua oficina.

Claro, isso já é uma tática que vem sendo utilizada cada dia mais, de tal forma que não será mais um diferencial e sim uma obrigação.

Contudo, ainda assim é possível encontrar clientes que irão se surpreender com esse gesto e que darão um ponto a mais a sua oficina mecânica frente as demais opções que eles têm no mercado.

Por isso, sempre entre em contato depois com o cliente e questione se foi o que ele esperava e se está tudo certo com o veículo dele.

Marketing

Você pode ter os melhores mecânicos, ter um atendimento excelente e ter sempre à disposição dos clientes as melhores peças e acessórios do mercado. Contudo, se você não divulgar todos esses pontos, como os clientes irão até você?

É importante analisar a região no qual sua oficina está localizada e identificar quais canais de comunicação são mais assertivos.

As pessoas ouvem ainda bastante rádio? O carro de som já trouxe resultado a outros estabelecimentos da sua cidade? Essas são formas de divulgação tradicionais, mas que não devem ser descartadas se ainda trazem resultados na sua região.

Entretanto, investir em marketing digital pode ser ainda mais eficaz e com um custo mais reduzido. Contar com um site da sua oficina e estar presente nas redes sociais, como Facebook, por exemplo, são pontos que não podem ser deixados de lado.

Isso porque, seus clientes estão on-line, então você precisa estar presente neste ambiente também. No site apresente seus serviços, peças, equipamentos, acessórios. Fale sobre seus diferenciais e deixe os canais de contato bem acessíveis.

Nas redes sociais identifique qual a frequência de publicação ideal e faça postagens que realmente tirem dúvidas dos usuários e apresente dicas para situações comuns do dia a dia.

Anúncios na internet podem ser mais eficazes do que uma mensagem no carro de som, por exemplo. O ideal então é você fazer uma análise e através de testes verificar o que oferece maiores resultados ao seu negócio, mas não deixe de estar presente no ambiente digital.

Fornecedores

fornecedores

Para atender com qualidade todos os clientes, é quase que indispensável contar com as principais peças e acessórios de todas as marcas. Isso significa que você precisa ter um estoque razoável e que, para isso, necessita investir.

Como se trata de uma questão que impacta no orçamento da sua oficina, é indispensável que você faça o orçamento com mais de um fornecedor. Isso porque, o seu lucro pode estar em uma oportunidade específica.

Claro, não se trata de optar pelo mais barato, já que normalmente quando é barato a qualidade pode deixar a desejar. E também de não pagar caro demais prezando pela qualidade, já que o seu lucro pode ser quase zero.

O mais indicado é comparar orçamentos, avaliar a qualidade dos itens e ficar em uma opção meio termo. Isso de tal forma que você saiba que está comprando peças e acessórios de qualidade, mas que o preço que você está pagando permite colocar uma porcentagem em cima, mantendo seu lucro interessante.

Qualidade do serviço e dos equipamentos

A palavra qualidade é essencial em todas as questões que apresentamos acima. No atendimento, na escolha dos fornecedores, na escolha das peças e acessórios, no marketing, na precificação, nos prazos.

Todas as ações que forem realizadas em sua oficina devem ter como base a qualidade, já que é um dos pontos mais importantes para o cliente.

E não poderia ser diferente quanto ao serviço e aos equipamentos. Não adianta os mecânicos serem cordiais com o cliente se o trabalho que eles realizarem não estar dentro do que ele precisa.

Atrelado a isso, está a qualidade dos equipamentos utilizados. O mecânico precisa ter capacidade e conhecimento para realizar o serviço com precisão, mas também necessita ter a disposição equipamentos de qualidade para que o serviço seja excelente por completo.

Nesse sentido, investir em elevadores automotivos, desmontadoras, rampas de alinhamento e balanceadoras de qualidade é essencial para que o atendimento ao cliente seja eficaz.

Nós da Boxtop estamos sempre atentos as demandas do mercado e com isso fabricamos equipamentos automotivos que sejam de qualidade e que auxiliem em operações seguras, eficientes e que possam contribuir para uma maior produtividade e organização na sua oficina!

Se você ficou com alguma dúvida sobre o assunto, escreva nos comentários! Se precisar, entre em contato conosco e solicite um orçamento sem compromisso!

Orçamento Boxtop

Ficou com alguma dúvida?